Consejos de descanso

Os bebés devem usar almofada?

¿Los bebés deben utilizar almohada?

Uma das perguntas que, as mães e pais de primeira viagem mais fazem é, se os bebés devem usar almofada ou, melhor, a partir de que idade os bebés podem usar almofada. Por questões de segurança, os especialistas desaconselham o uso de almofadas em recém-nascidos e bebés, bem como o uso de lençóis, edredons ou qualquer outra coisa que possa representar risco mínimo de asfixia e sufoco durante o sono.

A Academia Americana de Pediatria (AAP) e outras organizações de saúde infantil recomendam que os recém-nascidos durmam de costas num colchão seguro e firme, num berço vazio, ou seja, sem almofadas, cobertores, peluches ou quaisquer objetos que possam interferir na respiração. Isto ajuda a reduzir o risco de síndrome de morte súbita do lactente (SMSL) e promove um ambiente de sono seguro. Usar uma almofada pode aumentar o risco de asfixia se o rosto do bebé se afundar na almofada ou ficar preso nela.

O primeiro ano

Além do risco de asfixia, devido aos movimentos contínuos do bebé, durante o primeiro ano de vida o uso de almofada é desaconselhável porque o bebé dorme mais confortavelmente numa superfície plana.

Durante os primeiros meses e anos de vida, os bebés ainda estão a desenvolver a sua estrutura óssea e muscular, inclusivamente a coluna vertebral. O uso de uma almofada pode interferir no alinhamento natural da coluna vertebral e comprometer o seu correto desenvolvimento.

Os bebés têm uma curva natural na parte detrás da cabeça, conhecida como posição supina. Isso ocorre porque eles passam muito tempo deitados de costas durante os primeiros meses, que é a posição recomendada para dormir. Usar uma almofada pode empurrar a cabeça do bebé para frente ou para uma posição desconfortável, perturbando o alinhamento natural da coluna vertebral e afetando a sua postura.

A partir dos dois anos

A recomendação geral é que os bebés não usem almofada até que consigam movimentar-se e mudar de posição sozinhos durante o sono, o que geralmente ocorre por volta dos 24 meses. Nessa idade, a morfologia corporal das crianças já está desenvolvida de tal forma que elas sentem-se confortáveis ​​com uma almofada e têm força e controlo suficientes para ajustar a cabeça e o corpo durante o sono, reduzindo o risco de asfixia.

Porém, é importante ressaltar que as necessidades e habilidades de cada criança são diferentes, por isso é fundamental seguir as orientações de segurança e consultar o pediatra antes de introduzir a almofada. Algumas crianças podem precisar de almofada antes dos 2 anos por motivos específicos, como problemas respiratórios ou médicos, mas isso deve ser avaliado por um profissional de saúde.

Quando chegue o momento de introduzir uma almofada na cama do seu filho, é importante escolher uma almofada adequada à sua idade e tamanho. Opte por uma almofada baixa e macia, desenvolvida especificamente para crianças pequenas, que proporcione um suporte adequado para cabeça e pescoço. Evite almofadas volumosas, excessivamente altas ou com núcleos que possam representar um risco para a segurança da criança.

Malva, a primeira almofada para bebé que ajuda a adormecer

Na Ecus Kids temos a almofada perfeita para o seu bebé. Malva é a primeira almofada para bebé que o ajudará a adormecer. Com aromaterapia para tornar o seu descanso mais profundo e repousante. Fabricada em espuma com óleos naturais de malva, mais respirável e adaptável que qualquer outra espuma convencional. A sua porosidade permite que o ar circule livremente no seu interior, evitando a acumulação do calor excessivo e do CO2 que o bebé emite ao respirar.

Além disso, sua capa é confecionada em algodão, fresco e que respeita as peles mais delicadas. A segurança e higiene do bebé, também são garantidas pelo seu fecho em modo envelope (sem zipper) e por ser amovível e lavável na máquina (apenas o forro). Tudo isto faz com que seja a almofada mais segura para o descanso do seu bebé.

Embora seja normal que adultos e crianças maiores utilizem almofadas para dormir, é importante lembrar que os bebés têm necessidades diferentes e especiais em termos de segurança enquanto dormem. Se tiver alguma dúvida ou preocupação sobre a segurança durante o sono do seu bebé, é aconselhável falar com o seu pediatra, que poderá fornecer-lhe orientações e recomendações específicas para o seu filho.

Pode estar interessado

La mitad de los bebés presenta problemas al dormir
La importancia del sueño en bebés y niños
Plagiocefalia: un problema, dos soluciones
La plagiocefalia no es solo un problema estético